segunda-feira, 27 de julho de 2009

Chuva...

Que chove?
É chuva de vida
ou de pensamento?
Se chove tanto,
chovesse mais...
Mais que chuva,
mais que vento:
chovesse Céu.
Chovesse o Céu,
eu voaria?
Ou ventaria, feito papel?
Se eu voasse, nadaria?
Nada disso!
Seria pipa, voando ao léu,
e da chuva me encharcaria,
da mesma chuva que me nasceu.
Que chuva chove?
Se é de vida,
chovesse o Céu!

12 comentários:

Maira disse...

O versos são muito bonitos, mas bem que podia sair um solzinho...rsrsrsrsrs.
Bjs.

Cibele disse...

Oi!! Adorei a bolsinha, mas vou ter que esperar um pouco, estou duríssima ;)
Beijokas!!

Arte dos Gatos disse...

Aqui também está chovendo muito, meus gatos vão bolorar rsrsrs
Bj
Simone

Gata Lili disse...

Amiguinha, vai parar de chover logo e se não parar vai brincar com sua mamis na chuva. Tenho certeza que vcs vao amar!

Theófila disse...

Esqueci de te avisar dos numeros...
Ou se avisei esquecí!
Então, os numeros qu escolhi são
95 69 39 29 19 91...

Tem muito nove neh!

Obrigada mais uma vez tá!
bjus

Gisa disse...

Lindos versos, mas a Magali é mais linda ainda! Beijos mil

Flávia disse...

Que lindo esse poema. Assim como a chuva inspira, um gato aguardando esse fim também. Super beijo

GATO FACEIRO disse...

linda poesia...não deprima com a chuva Magali!!é bom para ficar se aquecendo em casa...

EROS - Deus do Amor e da Família disse...

Há selinhos para ti na sala de troféus

ronrons

Gisa disse...

Oi! Te indiquei para participar de um joguinho. Quando puderes passa lá no blog. Beijos

Theófila disse...

Oi Dri...
Te marquei pra um joguinho lá no Ronron...
Dá uma passadinha lá depois tá!

Bjus querida

EROS - Deus do Amor e da Família disse...

Há selinho novo…
Link da sala de troféus onde está o selinho
http://saladeprendas.blogspot.com/
Ronrons